close
logorovivo2

AGILIDADE: Fiero elogia Dnit pela recuperação da 364 e pede duplicação da via

O presidente da Fiero também elogiou a pronta intervenção do deputado Laerte Gomes, presidente da Assembleia Legislativa

ASSESSORIA

8 de Fevereiro de 2019 às 17:15

AGILIDADE: Fiero elogia Dnit pela recuperação da 364 e pede duplicação da via

FOTO: (Assessoria)

A agilidade com que o Dnit acionou uma empresa e a rapidez na recuperação da cabeceira da ponte sobre o igarapé Andira – no quilômetro 464 da BR-364, entre as cidades de Jaru e Ariquemes - é reconhecido pela Federação das Indústrias de Rondônia como uma ação rápida, eficaz, digna de elogios.

 

Ao fazer essa observação, o presidente da Fiero, Marcelo Thomé, disse que a leitura que se tira deste incidente é a de que “precisamos urgentemente atuar junto ao Governo Federal para que a rodovia seja restaurada o mais breve possível. A BR está com sua vida útil vencida há muito tempo e não foi projetada nem executada para suportar o volume de tráfego que por ela passa hoje”, pontua Thomé, para quem as obras paliativas já não são mais o suficiente para garantir a segurança e a trafegabilidade da BR-364.

 

O presidente da Fiero também elogiou a pronta intervenção do senador Marcos Rogério e do deputado Laerte Gomes, presidente da Assembleia Legislativa, que atuaram conjuntamente nos contatos com o Ministério da Infraestrutura e, até mesmo, verificando ‘in loco’os danos provocados pela força da água de uma noite inteira de chuva.

 

Mas, no entendimento da Federação das Indústrias de Rondônia, é preciso avançar e aproveitar o início da nova legislatura e do novo Governo para expor as necessidades de iniciar urgentemente a completa duplicação da BR-364 – sobretudo no trecho Comodoro (MT) - Porto Velho, que concentra o intenso tráfego de carretas transportando soja do norte do Mato Grosso até o porto de Porto Velho.

 

Para a Fiero, o Governo Federal precisa ser sensibilizado pela bancada de Rondônia no Congresso sobre a posição estratégica de Rondônia como importante hub de transporte da região Norte, tendo a BR-364 como espinha dorsal do modal terrestre. “Por isso, devemos concentrar nossas energias e união para sensibilizar o Governo Federal a liberar os recursos para a duplicação da rodovia”, propõe Marcelo Thomé.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS