close
logorovivo2

AMEAÇA: Homem é preso após cortar fios de energia e atear fogo na casa de mulher

A dona da casa, que tem dois filhos, informou que no momento do crime não tinha ninguém na residência.

JARUONLINE

10 de Setembro de 2018 às 08:28

AMEAÇA: Homem é preso após cortar fios de energia e atear fogo na casa de mulher

FOTO: (jaruoline)

Um homem de 58 anos cortou os fios de energia e ateou fogo na residência de uma mulher de 46 anos na tarde de sábado (8) no Bairro Bom Futuro em Machadinho D’Oeste (RO), no Vale do Jamari. O fogo queimou as paredes do quarto, além de móveis como cama e berço. A bomba d’água da casa também foi cortada. Ninguém ficou ferido.

 

O suspeito ainda tentou fugir, mas foi localizado pela polícia e preso. Segundo testemunhas, a vítima e a família dela eram ameaçados de morte por ele.

 

A dona da casa, que tem dois filhos, informou que no momento do crime não tinha ninguém na residência. Além disso, contou que a família conhece o suspeito há oito anos, mas que eles nunca tiveram um relacionamento amoroso.

 

Conforme registro policial, o suspeito ateou fogo na residência e fugiu. Quando uma equipe da PM chegou ao local, encontraram fios do poste e bomba d’água rompidos. Além disso, as paredes de um dos quartos, bem como a cama e o berço do cômodo estavam queimados.

 

Em seguida, os policiais saíram em busca do responsável pelo crime. Próximo à área da Cachoeira do São José, uma testemunha contou localização do suspeito, onde foi abordado. Em depoimento, o suspeito contou que seguiu até um vizinho, pediu um isqueiro e um cigarro. Depois, pegou a bicicleta do filho da vítima e saiu em direção à cachoeira.

 

Já detido, ele foi levado algemado até o local do incêndio. Outras testemunhas informaram que além de atear fogo na residência, foi o homem quem cortou os fios e a bomba d’água com objetivo de dificultar o combate ao incêndio. Uma delas, inclusive, disse que o suspeito vinha ameaçando a dona da casa e os filhos dela de morte.

 

O homem foi encaminhado à Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) da cidade. A Polícia Civil apura o caso.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS