close

TRANSPORTE ESCOLAR: Seduc aguarda liberação judicial para iniciar o transporte escolar

O secretário explicou que já foi feito todo o planejamento e contabilidade dos valores para o pagamento dos trabalhadores do transporte escolar terrestre

SECOM - GOVERNO DE RONDÔNIA

20 de Setembro de 2019 às 15:21

TRANSPORTE ESCOLAR: Seduc aguarda liberação judicial para iniciar o transporte escolar

FOTO: (SECOM-GOVERNO DE RONDÔNIA)

O Governo de Rondônia está aguardando apenas a liberação pelo Tribunal de Justiça do aporte de R$ 913 mil, por meio de alvará, para a retomada do serviço de transporte terrestre dos estudantes da área rural de Porto Velho, e o consequente reinício das atividades do ano letivo da comunidade estudantil, segundo informou nesta sexta-feira (20) o titular da Secretaria de Educação (Seduc), professor Suamy Vivecananda Lacerda de Abreu.

 

O secretário explicou que já foi feito todo o planejamento e contabilidade dos valores para o pagamento dos trabalhadores do transporte escolar terrestre, e que também já foram adotadas as providências de caráter operacional para o reinício do serviço de transporte terrestre, inclusive com aquisição de combustível para o abastecimento da frota de 74 ônibus, que vai permitir destravar o sistema de operação nas linhas e dar andamento normal às atividades escolares.

 

 

VEJA MAIS:

 

 

Os recursos ainda pendentes de liberação (R$ 913 mil) serão utilizados para pagamentos dos funcionários da empresa que presta serviço no transporte escolar, eliminando, por conseguinte, todas as pendências relativas à prestação desse serviço, “não restando mais nenhuma pendência de nossa parte”, disse o secretário que destacou a importante intervenção do Ministério Público Estadual (MPE) para tornar possível a liberação dos recursos.

 

De acordo com informações da Secretaria da Educação a ação institucional da Seduc visa atender ao universo dos serviços de transportes das escolas rurais do Municípios, mas neste momento a prioridade é o atendimento das rotas da região de Porto Velho, das comunidades (distritos) de Jaci-Paraná, Nova Mutum, Rio Pardo, Extrema e União Bandeirantes, tudo com planejamento e estudo dessas rotas para agilizar o retorno às aulas.

 

 

VEJA MAIS: 

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS