close
logorovivo2

TRADUTOR: TJRO requisita intérprete de Libras para prestação de serviços

O cadastro pode ser feito no site do TJRO

COMUNICAÇÃO TJ

31 de Outubro de 2018 às 16:48

TRADUTOR: TJRO requisita intérprete de Libras para prestação de serviços

FOTO: (Comunicação TJ)

O juiz Adolfo Theodoro Neto, coordenador da Comissão CPTEC afirmou que “é de fundamental importância a participação dos auxiliares no propósito de oferecer à sociedade efetivo acesso à Justiça com celeridade, qualidade e transparência”. Por isso o magistrado requisitou tradutor em um processo da vara de família em que uma das partes residia no Estados Unidos.

 

Recentemente, em uma audiência da Vara Criminal de Porto Velho, surgiu a necessidade de um intérprete de Libras, especialidade que ainda não conta com profissionais cadastrados. O cadastro pode ser feito no site www.tjro.jus.br , na opção “cadastro de peritos e leiloeiros”, onde estão todas as informações sobre prestação do serviço.

 

Em muitas audiências ou mesmo peças de processos, a tradução de documentos e depoimentos é necessária para garantir o acesso irrestrito à Justiça, por isso o Poder Judiciário requisita, mediante cadastro, profissionais dessa área como tradutores de idiomas ou mesmo especialista em Libras.

 

A interação de surdos em audiências do Tribunal de Justiça de Rondônia, conforme garantia legal do uso e difusão da Língua Brasileira de Sinais – Libras como meio de comunicação de deficientes auditivos é viabilizada por meio do Cadastro Eletrônico de Perito, Tradutor, Intérprete e Órgãos Técnicos ou Científicos (CPTEC), uma oportunidade para quem tem interesse em prestar o serviço de Intérprete de Libras.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS