close
logorovivo2

Aluna egressa do Campus Porto Velho é aceita em universidade norte-americana

A estudante Verônica de Oliveira Brasil foi aceita para estudar na Universidade de Belmont, de Nashville-TN (USA).

ASSESSORIA

11 de Janeiro de 2018 às 10:14

Aluna egressa do Campus Porto Velho é aceita em universidade norte-americana

FOTO: (Divulgação)

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO) teve mais uma estudante aprovada para estudar em instituição estrangeira. Concluinte em 2017 no curso de Técnico em Informática Integrado ao Ensino Médio do Campus Porto Velho Calama, a estudante Verônica de Oliveira Brasil foi aceita para estudar na Universidade de Belmont, de Nashville-TN (USA).

 

A egressa participou de uma prova inicial (SAT) em dezembro de 2016, após isso participou de um exame de proficiência da língua inglesa (TOEFL) em maio de 2017. Juntamente com essa documentação, a aluna enviou também redação, histórico escolar e carta de recomendação dos professores, submetendo a documentação a 11 universidades internacionais, por meio da plataforma Common App. No último dia 04 de janeiro, Verônica recebeu o primeiro feedback positivo, através de uma carta de aceitação enviada pela Universidade de Belmont.

 

Nas palavras da estudante, um dos fatores que mais influenciou na sua aprovação foi ter acesso à mobilidade estudantil, sendo auxiliada por meio das experiências proporcionadas ao participar de projetos de extensão, intercâmbio e demais atividades extracurriculares desenvolvidas durante sua formação no Campus Porto Velho Calama.

 

O Instituto Federal tem ações que contribuem para que servidores e alunos busquem oportunidades em instituições de diversos países. Entre 2014 e 2017 a Assessoria de Relações Internacionais (Arint) aplicou exames de proficiência em língua inglesa, o TOEFL ITP e o TOEIC BRIDGE, abrangendo os diferentes públicos da instituição, por meio do Programa Idiomas sem Fronteiras, do Governo Federal. O objetivo sempre foi o de estimular o aprendizado de línguas estrangeiras e ainda propiciar a melhora na estrutura de ensino de línguas estrangeiras.

 

“O IFRO promove várias ações para oportunizar a alunos e servidores, entre elas a aplicação dos exames de proficiência que são aceitos para várias oportunidades no exterior. E assim como a estudante do Campus Porto Velho Calama conseguiu, nós identificamos que outros alunos possuem o mesmo potencial, tendo notas suficientes para conseguir entrar universidades no exterior”, avalia a Secretária Executiva na Reitoria, Flávia Cristina Anziliero.

 

Quando estava no terceiro ano, Verônica participou da avaliação TOEIC incentivada por docentes do Campus Calama. Em sua opinião, mais estudantes poderiam ter acesso ao ensino superior de qualidade em outros países com a maior divulgação dessas possibilidades. Ela ressalta a importância dos institutos federais continuarem promovendo exames de proficiência (TOEIC e TOEFL), além de treinamentos com guias designados a auxiliar seus alunos com a documentação e a experiência dos caminhos necessários para a aprovação.

 

“Nós divulgamos oportunidades no exterior, sempre incentivando alunos e servidores a participarem. Também tivemos duas visitas de representantes da embaixada dos Estados Unidos, fazendo palestra no Campus Calama sobre opções de visto, procedimentos, documentação e as oportunidades que têm”, complementa Flávia Anziliero.

 

O que se observa é que há uma disputa por mão de obra qualificada nos diversos países. “Entendemos que um aluno selecionado chegou a um nível para ser selecionado dentro das várias oportunidades que têm. Dentro do IFRO, o estudo é de excelente qualidade e isto se torna um reflexo, e outros também podem conseguir. É importante lembrar, ainda, que a ação de internacionalização que fazemos não abrange a todos, mas tem a função de incentivar. Eles podem, e devem, buscar. E no que precisar da Arint nós sempre auxiliamos, na parte de comunicação, visto, viagens e outras dúvidas que alunos e servidores venham a ter e nós podemos oferecer essa assessoria”, finaliza a servidora.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS