close

ESPAÇO ABERTO: Semtran usa recursos e equipamentos próprios para atender demandas

Confira a coluna

RONDONIAOVIVO - CÍCERO MOURA

9 de Outubro de 2019 às 11:09

ESPAÇO ABERTO: Semtran usa recursos e equipamentos próprios para atender demandas

FOTO: (Divulgação)

INFORMAÇÕES PRIVILEGIADAS

 

Em arquivos de áudio, trocados entre os dias 19 de setembro e 6 de outubro, em um grupo de WhatsApp intitulado “Garimpo a luta continua” é possível constatar que o vereador de Ariquemes Ernandes Amorim, que já foi senador e deputado federal, ainda tem excelentes contatos em Brasília. O vereador demonstra ter conhecimento de operações programadas pelo Ibama e orienta garimpeiros a dar uma parada nos trabalhos por alguns dias. O objetivo é evitar a perda de maquinário que pode ser destruído quando encontrado em atividade ilegal.

 

 

REUNIÃO

 

Na mesma conversa, Amorim diz que teria sido agenda uma reunião para 02 de outubro com o ministro da Casa Civil, Onix Lorenzoni, para discutir as ações contra os garimpeiros. O encontro teria sido adiado para esta semana. A assessoria do ministro não retornou e-mail da coluna e o vereador Ernandes Amorim não atendeu as chamadas telefônicas feitas pelo colunista e nem retornou os recados.

 

 

REPÚDIO

 

Vereadora Ada Dantas repudiou, no plenário, o descaso do Ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, sobre tarifa de energia em RO. Ada Dantas falou sobre a importância de Rondônia estar com a bandeira tarifária na cor verde, tendo em vista abrigar três usinas (Santo Antônio, Jirau e Samuel). “É preciso que RO esteja com bandeira verde o ano todo, pois temos três usinas e geramos energia para todo o país, nós somos autossustentáveis”, disse a vereadora. A vereadora fez duras críticas sobre a maneira que Bento Albuquerque tratou o povo de Rondônia, se esquivando de falar sobre a diminuição da tarifa de energia.

 

 

MAIS AUMENTOS

 

A vereadora também alertou sobre a previsão de 13% de reajuste na tarifa de energia que estaria programado para dezembro.” Se vier mais 5%, 10% ou 13% de reajuste nessa conta de energia, infelizmente Rondônia vai pegar fogo. Nós não podemos mais aceitar este tipo de abuso aqui. Ada Dantas disse ainda que à Bancada Federal de Rondônia, em Brasília, tem que resolver o problema. Senadores e deputados federais devem interceder junto ao Presidente Jair Bolsonaro para que, através de decreto, Rondônia permaneça o ano inteiro na bandeira verde.

 

 

 

 

 

SINALIZAÇÃO

 

Nesta terça-feira, 09, o secretário da Semtran, Nilton Kisner, esteve na Câmara de Vereadores para explicar sobre a execução do contrato de sinalização da malha viária urbana de Porto Velho. Kisner disse que havia dois contratos em andamento, semafórico e de sinalização lateral e horizontal, mas que foram interrompidos após operação da polícia. No fim do ano passado o secretário Carlos Henrique da Costa, o adjunto da pasta, Fábio Sartori e o dono da empresa Imagem Sinalização Viária Ltda, Constantino Pessoa Chaves, foram presos por suspeita de fraudar contratos com a prefeitura.

 

 

SERVIDORES MUNICIPAIS

 

Kisner informou que atualmente o trabalho vem sendo feito com equipamentos e servidores da Semtran. Ele apresentou aos vereadores um resumo das atividades que vem sendo desenvolvidas pela pasta. 

 

 

 

 

 

CPI

 

Hoje, ás 14h, tem reunião da Comissão Parlamentar de Inquérito na Assembleia Legislativa. Nove pessoas foram convocadas a depor entre elas o presidente do Ipem, Aziz Rahal Neto, o coordenador do Procon, Estevão Ferreira, e o presidente do Crea, Carlos Antônio Xavier.

 

 

DEBANDADA GERAL

 

O anúncio da possível saída de Bolsonaro do PSL pode gerar uma debandada geral no partido. O deputado estadual Eyder Brasil disse que Bolsonaro é muito mais que a sigla e segue com ele para onde for. Coronel Chrisóstomo informou que não pretende sair do partido, mas continuará apoiando Bolsonaro. A atitude de Eyder Brasil é elogiável pois demonstra coerência e fidelidade.

 

 

BOLSONARO E MORO

 

O Tribunal Federal de São Paulo (TRF-3) retoma nesta quarta (9) a análise do caso que opõe Jair Bolsonaro a Sérgio Moro pelo controle de R$2,3 bilhões do Fundo de Defesa dos Direitos Difusos, obtidos na maior parte com multas do Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) a empresas, por formação de cartel. O governo precisa do dinheiro para equilibrar as contas, superávit fiscal. A turma do Fundo quer gastá-lo à vontade. A votação está 4x3 pró-governo.

 

 

CAUSA PRÓPRIA

 

O desembargador Fábio Prieto, do TRF-3, acha isso um escândalo. Para o magistrado, “salta aos olhos” o conflito de interesses. Prieto lembra que o MP pretende gerir bilhões obtidos em condenações resultantes das próprias iniciativas. Ele considera isso inconstitucional.

 

 

CPI

 

A deputada Caroline De Toni (PSL-SC) quer CPI para investigar a UNE (União Nacional dos Estudantes). Segundo o TCU, chegam a 90% os gastos sem comprovação do dinheiro recebido do Ministério da Cultura.

 

 

INTERESSA PARA RONDÔNIA

 

Está na pauta do Senado desta quarta,9, duas MPs: uma retira a data limite do Cadastro Rural e outra trata do repasse a estados do dinheiro arrecadado com a venda de bens apreendidos do tráfico de drogas.

 

 

 

Mande suas sugestões de pauta, fotos, denúncias ou reclamações para espacoaberto@rondoniaovivo.com.

 

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS