close
logorovivo2

FESTIVIDADES: Blocos de carnaval e comerciantes chegam a um acordo

A partir deste ano, os ensaios serão realizados, de forma coletiva, no Calçadão do Manelão, em frente ao Mercado Cultural

COMDECOM

10 de Janeiro de 2019 às 15:49

FESTIVIDADES: Blocos de carnaval e comerciantes chegam a um acordo

FOTO: (Divulgação)

Após longa reunião na manhã desta quinta-feira (10/01), intermediada pela Funcultural, dirigentes dos blocos e a representação da Fecomércio chegaram a um consenso em relação aos ensaios dos blocos de carnaval, que a partir de agora serão realizados, coletivamente, no Calçadão do Manelão e na Praça Getúlio Vargas (ambos em frente ao Mercado Cultural) e não mais nas ruas, como ocorria até o ano passado.

 

De acordo com Altair dos Santos (Tatá), diretor e Patrimônio da Funcultural, esse espaço é propício para os ensaios, haja vista a minimização dos impactos causados aos comerciantes e aos moradores, bem como a facilidade de acesso para os foliões por ser uma área localizada no centro da cidade, além de ser uma importante praça de eventos já conhecida dos porto-velhenses.

 

A Funcultural ficará responsável pela montagem e divulgação do calendário com horários e datas dos ensaios coletivos com os cerca de 15 blocos existentes. A Fundação ficará responsável também pelo fornecimento da estrutura de banheiros químicos, grades e fechamento das vias do entorno para acomodar melhor os blocos e o público. O órgão de cultura disponibilizou ainda o Mercado Cultural para que os blocos montem stands e possam comercializar os seus abadás durante os ensaios.

 

Fecomércio

 

O representante da Fecomercio, Chico Holanda, afirmou que os comerciantes não têm a intenção de impedir ou prejudicar os blocos na realização de suas atividades. “Queremos apenas que a festa seja realizada de forma a produzir menor impacto ao comércio, tanto na área central como na região Sul”, declarou.

 

Segundo Chico Holanda, os comerciantes dessas duas regiões reclamavam dos constantes fechamentos das vias e da bagunça que ficava no dia seguinte aos ensaios. “Além da sujeira, tinha ainda o mal cheiro proveniente do mijo, pois mesmo tendo banheiro químico os participantes urinavam no chão”, disse.

 

Já os moradores criticavam, além da sujeira, o barulho que ocorria após as 22 horas. “Os blocos podem desfilar normalmente nos dias agendados, o que estávamos questionando eram os transtornos causados pelos diversos ensaios promovidos por eles em áreas inadequadas”, observou.

 

Entenda

 

Até o ano passado, os ensaios pré-carnaval dos blocos da região central de Porto Velho eram realizados no circuito da Pinheiro Machado; os que têm sede na zona Sul, se reuniam na avenida Jatuarana. Todas as vezes em que ocorriam os ensaios, as ruas eram fechadas.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS