close
logorovivo2

CRUEL: Porteiro é executado após discussão por bola de papel

Polícia Civil segue em busca de vigilante, principal suspeito do crime. Defesa do guarda disse à corporação que ele pretendia se entregar

METRÓPOLES

16 de Outubro de 2018 às 10:55

CRUEL: Porteiro é executado após discussão por bola de papel

FOTO: (Divulgação)

Imagens de câmeras de segurança mostram quando o porteiro Guilherme Alves Pereira, de 23 anos, morto a tiros por um vigilante após uma discussão no sábado (13/10). Antes das cenas mostradas, segundo a Polícia Civil, eles brigaram por causa de uma bolinha de papel que não teria sido jogada no lixo.

 

As informações são da TV Anhanguera, afiliada da TV Globo.

 

Na gravação é possível ver o segurança atirando no colega de trabalho. O crime ocorreu em Itumbiara, no sul de Goiás, e o vigilante Wallas Gomes de Lima, de 27 anos, é considerado o principal suspeito do crime.

 

“O vigilante atirou uma bola de papel no lixo da guarita do porteiro, que pediu que ele catasse. Eles iniciaram uma discussão, a certa altura o vigilante colocou ele de costas e atirou na cabeça dele”, disse o delegado responsável pelo caso, Ricardo Chueire.

 

O crime aconteceu por volta das 4 horas do sábado no imóvel localizado na Avenida Furnas. Após o crime, o suspeito guardou a arma no cofre da empresa e deixou o local.

 

A empresa responsável pelos funcionários lamentou, em nota, a morte do porteiro e informou que “as medidas possíveis para evitar e prevenir tal fato são e sempre foram tomadas, como: treinamento apropriado, cursos, checagem de antecedentes, reciclagem, testes psicotécnicos e acompanhamento psicológico dos profissionais”.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS