close
logorovivo2

Após cirurgia em Cuba, Morales volta à Bolívia nesta quarta-feira

Em entrevista coletiva, Linera, que dirige interinamente o país, disse que o próprio Evo comunicou nesta manhã o dia de seu retorno em uma breve conversa por telefone.

VEJA

3 de Abril de 2017 às 16:12

Após cirurgia em Cuba, Morales volta à Bolívia nesta quarta-feira

FOTO: (Divulgação)

O presidente da Bolívia, Evo Morales, voltará a seu país na próxima quarta-feira, após a cirurgia a que se submeteu na laringe no último sábado, em Havana, informou nesta segunda-feira o vice-presidente boliviano, Álvaro García Linera.

Em entrevista coletiva, Linera, que dirige interinamente o país, disse que o próprio Evo comunicou nesta manhã o dia de seu retorno em uma breve conversa por telefone.

O líder boliviano passou pela operação no Centro de Pesquisas Médico Cirúrgicas (Cimeq), situado em um bairro residencial do oeste de Havana, para extrair um tumor benigno da corda vocal do lado esquerdo, que provocava uma rouquidão havia vários meses.

Segundo o vice-presidente, Evo terá que falar muito pouco até o próximo sábado, mas dentro de uma semana poderá se comunicar normalmente. Em duas semanas, poderá retomar sua agenda.

“Estamos muito contentes por essa informação. Vamos esperá-lo. Estamos muito contentes com sua excelente operação”, disse Linera.

Após a cirurgia no sábado, as autoridades bolivianas tinham informado que Evo devia guardar silêncio de quatro a sete dias, mas agora, segundo Linera, estão permitidas conversas breves e sem muito esforço.

O presidente boliviano decidiu se tratar em Cuba após cinco médicos de seu país não conseguirem curá-lo de uma disfonia, segundo o Executivo boliviano. O nódulo na laringe foi descoberto no início de março em Cuba, após Evo receber atendimento de emergência por uma disfonia, sinusite e dores no abdômen.

MAIS NOTÍCIAS

PRIMEIRA PÁGINA
RONDONIAOVIVO TV
DESTAQUES EMPRESARIAIS
PUBLICAÇÕES LEGAIS
COLUNAS